Paula Brasil


Estilista brasileira nascida em Belém, capital do Estado do Pará, cidade de mais de 3 milhões de habitantes também chamada de capital da manga, graças às mangueiras que distinguem suas avenidas e nas quais há muitas frutas exóticas incríveis, como o açaí, que são utilizados na gastronomia paraense, única e apreciada em todos os lugares.
Cidade com importantes origens históricas e principal porto de exportação de produtos amazônicos para a Europa com importante tradição católica graças à devoção de Nossa Senhora de Nazaré, Madonna retratada com uma estátua venerada em todo o Brasil e declarada Patrimônio da Unesco .

Após seus estudos no Brasil, mudou-se para Milão para aprimorar suas habilidades artísticas e completar sua preparação
no setor de Moda e Luxo.
Durante os seus estudos participou com sucesso em alguns concursos e exposições de moda.

Jóia de Papel

Em 2010 foi selecionada e participou do Fashion Paper, evento criado para comunicar a criatividade através do papel, promovido pela Província de Milão em conjunto com Afol Moda, Accademia di Brera, Florença e Turim.

Vestido Marajoara

Em 2011 foi novamente selecionada para participar da Fashion Paper, uma exposição em Milão, Turim, Florença, Roma e Madrid promovida
pela Província de Milão e sua escola Afol Moda, pela Accademia de Brera e pelas Academias de Florença e Turim, para comunicar a moda através do papel.
Ela foi protagonista de tal evento com a criação de um vestido totalmente bordado em crochê com cordões de papel reciclado feito à mão e inspirado na cultura marajoara de sua região brasileira.
O trabalho foi particularmente apreciado e exibido na Trienal de Milão e posteriormente em Roma, Turim, Florença, Madri e Londres, bem como publicado nos catálogos da exposição distribuídos em todas as livrarias italianas.

Revista " Collezioni Trends "

Em 2012 a conhecida revista de tendências "Collezioni Trends" publica o trabalho de Paula Brasil inspirado no tema "Sagrado e Profano" criado durante sua
formação em Milão.

Após concluir seus estudos, dedicou-se ao aperfeiçoamento de habilidades artísticas colaborando com alguns estilistas em Milão e iniciando seu próprio negócio em 2016 graças à consultoria artística solicitada por terceiros e à criação de suas coleções, sempre caracterizadas por tecidos finos como a seda, com desenhos exclusivos da mesma estilista, nos quais as cores e a cultura brasileira se combinam com as da velha Europa e, em especial, da Itália e da França.
O amor pela busca de detalhes e a inspiração recebida de objetos, moda e elementos naturais permitiram que ela continuasse um caminho de crescimento nas técnicas têxteis, criando tecidos exclusivos que são usados ​​​​graças a habilidades inatas de alfaiataria onde a estilista usa técnicas sofisticadas de moulage que conferem às criações elegantes
uma vestibilidade sempre apreciada pelos seus admiradores.

A partir de 2019, no Atelier privado localizado no centro de Milão, a poucos passos da Praça Duomo, nascem verdadeiras obras de arte, protótipos de roupas de alta moda com tecidos exclusivos cuja produção é confiada a costureiras altamente experientes que são acompanhadas pessoalmente pela designer para manter os altos padrões de qualidade e atenção aos detalhes que a Paula Brasil nunca pretende abrir mão.